Carregando...
Curso TécnicoEducaçãoInovaçãoMEC

Conheça mais sobre projeto Verticaliza

Verticaliza prevê que o conhecimento adquirido em cursos técnicos de nível médio seja aproveitado para cursos superiores de tecnologia

O Ministério da Educação (MEC), por meio da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec), lançou na quarta-feira (6) a primeira etapa do Projeto Verticaliza. A iniciativa, que pretende proporcionar aos estudantes o aproveitamento dos estudos dos cursos técnicos de nível médio para cursos superiores de tecnologia, conta com a parceria do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP). O lançamento foi transmitido, ao vivo, pelo canal do MEC no YouTube.

Neste primeiro momento, a Setec capacitará 260 profissionais da educação, de 65 instituições, para a construção de projetos pedagógicos de cursos que possibilitem o aproveitamento de estudos desenvolvidos pelos estudantes de cursos técnicos em cursos superiores de tecnologia.

Podem participar do projeto, neste momento, profissionais das instituições educacionais brasileiras que ofereçam, simultaneamente, cursos técnicos de nível médio e cursos superiores de tecnologia, integrantes da Rede Federal de Educação Profissional Científica e Tecnológica; de Instituições militares de ensino; de Instituições educacionais públicas estaduais, do Distrital Federal e Municipais; de Unidades educacionais dos Serviços Nacionais de Aprendizagem; e de Instituições de ensino superior públicas, privadas, comunitárias e confessionais. As inscrições podem ser realizadas até o dia 31 de maio.

O curso, que será realizado ao longo dos dois anos do projeto, terá início em julho de 2022, com duração de três meses para cada uma das seis turmas previstas, totalizando 180 horas de atividades para cada participante. Ao final do curso, o participante que for aprovado nos seis módulos (sendo cinco na modalidade de Educação a Distância – EAD e um módulo presencial) receberá o certificado de Aperfeiçoamento Tecnológico, emitido pelo IFSP.

Durante o lançamento do projeto, a Secretária-Executiva Adjunta Substituta do MEC, Sylvia Gouveia, disse que o Verticaliza é, sem dúvida, de extrema importância para a educação nacional. “E também, de modo específico, é um projeto de fundamental relevância para o fortalecimento das ações que visam à plena implementação do que hoje se encontra disposto na Lei de diretrizes básicas da educação nacional”. Sylvia parabenizou todos os envolvidos na ação e reforçou o comprometimento do MEC com a educação profissional e tecnológica e também com a educação profissional técnica de nível médio no Brasil.

Para o secretário da Setec, Tomás Sant´ana, capacitar é sempre importante, faz parte do processo de educação, do processo de formação das pessoas. “Hoje iniciamos parte da construção desse projeto, que é exatamente capacitar as instituições para que elas possam efetivar o aproveitamento das disciplinas nos cursos de tecnologia a partir dos cursos técnicos. Para isso, priorizamos as instituições que já possuem em sua estrutura a verticalização, ou seja, os cursos técnicos e cursos de tecnologia, permitindo, assim, facilitar o processo de aproveitamento, com a convicção de que isso fortalece a educação profissional e tecnológica, e os cursos técnicos. No fundo, estamos capacitando líderes que vão depois replicar essas informações, permitindo uma grande capilaridade do projeto.”, destacou Sant´ana.

Para acessar o Edital contendo todas as informações sobre a primeira fase do Verticaliza, clique aqui.

FONTE: Assessoria de Comunicação Social do MEC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *