Carregando...
Notícias

Rio de Janeiro: contingenciamento nas universidades

Universidade Federal do Rio de Janeiro

Desde o começo do ano, as cinco instituições de ensino superior federais do estado do Rio de Janeiro tiveram, nos próprios orçamentos, o contingenciamento de pelo menos R$ 218.722 milhões até o mês atual. Esse cálculo é do próprio Ministério da Educação.


Os dados se referem a cinco instituições, que somam 188,5 mil estudantes. são elas: Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ); Universidade Federal Fluminense (UFF); Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ); Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (Unirio); Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca (Cefet-RJ).


O valor que foi contingenciado era ainda maior, mas o Ministério da Educação (MEC) informou ter liberado 5% do total original que teria sido retido das universidades, institutos federais e para o Colégio Pedro II.


Segundo dados do Sistema Integrado de Administração Financeira (Siafi) do governo federal, o contingenciamento é de R$ 220,96 milhões. Quando questionado a respeito do valor total, o Ministério da Educação apontou erro e alegou que o valor correto é de R$ 218,772 milhões.


Na UFRJ, de acordo com informações passadas pela própria instituição, o contingenciamento foi de 44% das verbas de custeio, que se destinam a serviços como limpeza, segurança, abastecimento dos restaurantes universitários e outros serviços, e de 86% das verbas de investimento, que são destinadas à aquisição de equipamentos e à realização de obras.


“Nossa situação é dramática. Esses problemas já podem começar a acontecer ainda no mês de agosto com a descontinuidade dos contratos de limpeza e segurança e, o que é ainda mais dramático, da alimentação dos restaurantes universitários e também dos nossos nove hospitais”, afirmou a reitora da UFRJ.

Entre as despesas que podem ser prejudicadas estão os fornecimentos de energia elétrica e água, limpeza, vigilância, transporte e alimentação nos restaurantes universitários.

(Fonte G1)

Acompanhe mais informações sobre a educação brasileira em nosso site: https://www.2em1consultoria.com.br/noticias/

Em nosso instagram e na página do facebook:

https://www.instagram.com/2em1consultoria/

https://www.facebook.com/2em1consultoria/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *